Imprimir

Cuidados Paliativos

 

Coordenadora dos Cuidados PaliativosDr.ª Licínia Araújo

Enfermeira Chefe: Enf.ª Luísa Baeta

 O que são e para quem?

Os Cuidados Paliativos são um serviço de acompanhamento, tratamento e supervisão clínica à pessoa com doença incurável.

Os objetivos principais centram-se no prevenir e aliviar o sofrimento do doente e família, para que possam alcançar a melhor qualidade de vida possível. Desenvolvem-se, assim, acções específicas para cada situação através de uma abordagem global e interdisciplinar.

As doenças como cancro; doenças neurológicas degenerativas; SIDA; insuficiênciasde órgão (cardíaca, hepática, respiratória e renal) em estadio avançado e mesmo o envelhecimento natural nas fases mais tardias, deixam de ter possibilidade de tratamento com intenção curativa, mas sim, de conforto e alívio de sofrimento.

 

Quem somos?

Uma única equipa, um único objetivo.

O Decreto Legislativo Regional nº 35/2012/M, de 12 de Novembro, criou a Rede Regional de Cuidados Paliativos (RCP) da Região Autónoma da Madeira (RAM), estabelecendo as normas enquadradoras gerais do seu regime jurídico, de acordo com os princípios e normas estabelecidos pela Lei de Bases dos Cuidados Paliativos, aprovada pela Lei nº52/2012, de 5 de Setembro.

Os cuidados paliativos (CP) na RAM estão organizados em rede, visando proporcionar, de uma forma adequada, acessibilidade a cuidados paliativos, domiciliários e hospitalares, a todos os cidadãos da RAM.

A equipa interdisciplinar constituída por médicos, enfermeiros, psicóloga, assistente social, nutricionista, enfermagem de reabilitação (quando necessário) e apoio espiritual pretende com esta abordagem proporcionar cuidados de saúde rigorosos e humanizados, que contribuam para o seu conforto, dignidade e qualidade de vida.


Organização:

- Equipa domiciliária: médico, enfermeira e assistente social  (se necessário), de 3ª a 6ª feira que se desloca a toda a ilha da Madeira, intervindo activamente na gestão das necessidades avaliadas sejam elas quais forem: controlo de sintomas, apoio social, apoio pisicológoco, e espiritual, assim como em questões de natureza prática trabalhando estas competências junto do doente e seus familiares sendo agendada a reavaliação;

- Apoio de consultoria médica no intra-hospitalar;

- Unidade de cuidados paliativos de agudos (UCP), com 10 camas de internamento, localizada no Hospital Dr. João de Almada. Esta unidade destina-se a doentes com necessidades complexas e que requerem cuidados específicos prestados por profissionais especializados.

O internamento é indispensável ao bom controlo dos sintomas que quando alcançando permite o regresso ao domicílio.

O encaminhamento à equipa de cuidados paliativos è feito por contato telefónico directo para a sede dos cuidados paliativos localizados no Hospital Dr. João de Almada (291780316), sendo da responsabilidade do médico assistente hospitalar, do médico de família, ou pelo próprio doente e sua família, segundo a Base XX da Lei de Bases dos Cuidados Paliativos.

A Equipa de Cuidados Paliativos cumpre os critérios que a Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos enumera nas suas recomendações para a prática dos Cuidados Paliatiovos, pelo que é reconhecida pela mesma.

Informação: Cuidados Paliativos

Folheto: Guia de Acolhimento ao Utente e Família

 

Unidade Acreditada pela DGS


A Unidade de Cuidados Paliativos obteve no dia 17.01.2017 a Acreditação de Qualidade de Nível Bom pela Direcção Geral de Saúde.

Esta Acreditação, baseada no Modelo ACSA, versão internacional, foi conquistada após um processo de melhoria da qualidade dos cuidados de saúde prestados que envolveu todos os profissionais do Serviço e que durou cerca de ano e meio.

A Acreditação concedida pela Direcção Geral de Saúde é válida pelo período de cinco anos.

Veja abaixo o certificado que atesta a Acreditação de Qualidade de Nível Bom conquistada pela Unidade de Cuidados Paliativos.

 UCuidadosPaliativosCuidados Paliativos

Clique sobre o mapa.